Estudante é presa em Jaú após vender brigadeiros com maconha

Polícia chegou até a jovem de 19 anos depois que dois 'clientes' dela passaram mal e procuraram atendimento médico no PS da Santa Casa

Por Carla Parezan 11/06/2018 - 09:02 hs
Foto: Luizinho Andretto
Estudante é presa em Jaú após vender brigadeiros com maconha
Na CPJ de Jaú, estudante confirmou apenas a venda de três brigadeiros com maconha

Uma estudante de 19 anos foi presa em flagrante nesta sexta-feira (8), em Jaú , após vender brigadeiros recheados com maconha na escola onde ela estuda. Dois "clientes" dela passaram mal após consumir o doce com a droga e procuraram atendimento médico no Pronto-Socorro (PS) da Santa Casa. A jovem foi autuada por tráfico e aguarda a realização da audiência de custódia.

De acordo com o delegado plantonista que registrou a ocorrência, Antônio Ângelo Meneghel, durante a tarde, a Polícia Militar (PM) foi acionada por equipe médica da Santa Casa depois que um adolescente de 17 anos e uma jovem de 24 anos deram entrada no PS passando mal.

Segundo Meneghel, os dois revelaram aos médicos que os sintomas começaram depois que eles ingeriram brigadeiros "recheados" com maconha vendidos por uma colega de escola. Os estudantes confirmaram aos policiais militares a versão original e indicaram o nome da vendedora.

"A investigada foi detida na escola onde estuda e confirmou, realmente, que tinha vendido esses brigadeiros por R$ 8,00 - dois por R$ 5,00 e um por R$ 3,00. Em poder dela, tinha mais três brigadeiros, que ela confirmou que também eram de maconha", conta o delegado.

"Ela falou que teria também entregue para mais uma menina, uma colega de sala, e mais oito brigadeiros foram encontrados em posse dessa menina. A estudante disse que provou esses brigadeiros com maconha e que o efeito seria mais duradouro do que o do cigarro de maconha".

Com a investigada, o delegado apreendeu, ainda, porção pequena de maconha, uma ponta de cigarro com a droga e R$ 20,00 relativos a venda dos doces. "Em oitiva na CPJ, ela falou que fez essa receita a pedido da amiga de classe e que ela apenas lhe reembolsou pelos custos", diz.

LAUDO

A partir do laudo do exame pericial realizado nos brigadeiros apreendidos, que confirmaram a presença de maconha, a jovem foi autuada em flagrante pelo delegado pelo crime de tráfico de drogas. "Segundo ela, ela teria misturado dez gramas de maconha ao chocolate para fazer 14 brigadeiros", declara. O nome da estudante não foi informado pela polícia.

Lilian Grasiela - jcnet.com.br